Como configurar o DNS do Google e Cloudflare

Resumo do Conteúdo

O que é DNS?

Imagine se você precisasse gravar o número de telefone de todos os contatos que você tem na sua agenda. Isso seria uma tarefa muito difícil, não é mesmo?

O mundo seria exatamente assim sem o DNS.

DNS significa Domain Name System. Sistema de Nomes de Domínios, em português. O seu papel é permitir que a sequência de números correspondentes ao IP de um site, como 52.2.72.168, sejam traduzidos em um domínio legível e de fácil memorização para qualquer pessoa, como, por exemplo: www.iset.com.br.

Desse modo, dispositivos que utilizam a rede da internet usam o endereço IP para buscar pelo domínio de um site, através de um catálogo que os interligam. Por isso, você não precisa manter seu próprio catálogo de endereços IP.

A tradução do endereço para o número de IP é realizada automaticamente ao acessar qualquer página. O DNS, portanto, tem a responsabilidade de entregar a resposta rapidamente para iniciar o carregamento o quanto antes. 

Porém, esses serviços podem apresentar desempenhos diferentes entre si e assim, resta ao usuário escolher o melhor para usar.

 

O que é Cloudflare?

A Cloudflare é uma empresa de infraestrutura da web que oferece uma rede de distribuição de conteúdo (CDN), mitigação de negação de serviço distribuída (DDoS), serviços DNS autorizados e também um serviço de resolução de DNS para o consumidor.

Sua rede atende a mais de 6 milhões de sites, incluindo pesos pesados como Uber, OkCupid e Mobile Nations. 

Entre todos os seus serviços, a Cloudflare tem uma enorme infraestrutura espalhada ao redor do planeta, e quanto mais próximos seus servidores CDN estão do seu computador, mais rápido ele pode servir conteúdo para você.

O tamanho do Cloudflare CDN também significa que ele tinha potencial para servir como um sistema DNS de nível de consumidor.

Conforme o Cloudflare, a latência média do 1.1.1.1 é em torno de 14 ms, tornando-o o resolvedor de DNS mais rápido em todos os locais (a média de latência do DNS público do Google é de 34 ms).

Junto com a velocidade, o Cloudflare também está promovendo maior privacidade, prometendo que os registros dos usuários nunca serão armazenados em discos e que os registros serão eliminados a cada 24 horas.

 

Google 

O DNS do Google surgiu em 2009 com o intuito de aumentar a qualidade da conexão dos usuários e agilizá-la. Ele é gratuito e redireciona o acesso para o data center mais próximo, o que reduz interferências, aumenta a velocidade de carregamento das páginas e minimiza a taxa de erros, visto que permite o uso de dois níveis de cache.

A experiência na web é um dos fatores mais importantes para a permanência dos usuários nas páginas acessadas durante uma conexão. Existem plataformas que podem adequar as configurações para promover essa melhoria, como é caso do Stage. Confira a seguir, as vantagens de adequar também o seu DNS para essa função.

Dentre as vantagens de utilizar esse DNS estão:

  • Mais velocidade;
  • Maior segurança;
  • Precisão.

 

Criamos um compilado que ensina a usar o DNS do Google e do Cloudflare em vários sistemas e no roteador. Veja agora.

 

Como configurar o DNS do Cloudflare no seu roteador

A maneira mais indicada de alterar suas configurações DNS atuais para começar a usar o 1.1.1.1 do Cloudflare é reconfigurar seu roteador. 

Usar essa abordagem configura automaticamente todos os dispositivos da casa (como desktop, notebook, tablet, smartphones, consoles de jogos e smart TV), ao invés de configurar cada dispositivo individualmente.

Importante: as instruções para configurar podem diferir em seu roteador. Antes de continuar, verifique o site de suporte do fabricante para obter detalhes mais específicos.

Para configurar seu roteador para usar os endereços DNS do Cloudflare, faça o seguinte:

 

1- Abra seu navegador da web.

 

1.1- Digite o endereço IP do seu roteador e pressione Enter.

 

1.2- Faça login usando o nome de usuário e a senha do roteador, conforme necessário. (geralmente, você encontrará essas informações em um adesivo no seu roteador.)

 

1.3- Abra a página de configurações do servidor DNS. Consulte o site de suporte do fabricante do roteador para localizar essas configurações. No entanto, na maioria das vezes, essas configurações podem ser encontradas na seção de configurações avançadas. 

Este é o local para obter as configurações de DNS em algumas das marcas de roteadores mais usados:

 

  • Linksys: Configuração > Configuração básica.
  • ASUS: WAN > Conexão com a Internet.
  • Google Wifi: Configurações > Rede e geral > Rede avançada > DNS.
  • Netgear: Internet.
  • D-Link: Configuração manual da conexão à Internet.

 

1.4- Na seção de configurações de DNS, use esses endereços IPv4:

 

  • 1.1.1.1
  • 1.0.0.1

 

1.5- Salve suas configurações.

 

1.6-  Reinicie seu navegador.

 

Após concluir as etapas, reinicie o computador para começar a usar as novas configurações.

Como alternativa, você pode abrir o Prompt de Comando e executar estes dois comandos:

 

  • ipconfig /flushdns
  • ipconfig /renew

 

Esses comandos limparão o cache do DNS Resolver em seu dispositivo e solicitarão uma renovação das configurações IPv4.

É importante notar que você não precisa aplicar os endereços IP versão 6 em seu roteador se sua rede já estiver usando IP versão 4. 

No entanto, se for necessário usar os endereços IPv6, você deve inseri-los no DNS IPv6 página de configuração no seu roteador.

 

  • 2606:4700:4700::1111
  • 2606:4700:4700::1001

 

Importante: você pode encontrar essas informações usando a tecla de atalho do Windows + R , digitando cmd, clicando em “OK” e, no prompt de comando, execute o comando ipconfig. O endereço IP do roteador será aquele listado no campo Gateway padrão.

 

Como configurar o Cloudflare DNS no Windows 10

Se você quiser usar as configurações de DNS do Cloudflare em todas as redes que conectar, incluindo redes públicas (por exemplo, cafeteria e aeroporto), com seu notebook ou tablet, você pode configurar o DNS no Windows 10, em vez de configurar seu roteador.

Para definir as configurações de DNS do Cloudflare no Windows 10, faça o seguinte:

 

IPv4

2- Abra o Menu Iniciar.

 

2.1- Pesquise o Painel de controle e clique no resultado principal.

 

2.2- Clique em “Rede e Internet.”

 

2.3- Clique em “Central de rede e compartilhamento.”

 

2.4- Clique em “Alterar configurações do adaptador.”

 

2.5- Clique com o botão direito do mouse no adaptador Wi-Fi ou Ethernet que você está usando para se conectar à Internet e selecione a opção “Propriedades.”

 

2.6- Selecione a opção “Protocolo da Internet Versão 4 (TCP / IPv4).”

 

2.7- Clique no botão “Propriedades.”

 

2.8- Selecione a opção “Usar os seguintes endereços de servidor DNS.”

 

2.9- No campo “Servidor DNS preferencial”, digite este endereço IPv4: 1.1.1.1

 

2.10- No campo “Servidor DNS alternativo”, digite este endereço IPv4: 1.0.0.1

 

2.11- Clique em “OK.”

 

IPv6

3- Se o protocolo da Internet versão 6 (TCP / IPv6) estiver ativado nas propriedades do adaptador de rede, selecione a opção.


3.1- Clique no botão “Propriedades.”


3.2- Selecione a opção “Usar os seguintes endereços de servidor DNS.”


3.3- No campo “Servidor DNS preferencial”, digite este endereço IPv6: 2606:4700:4700::1111


3.4- No campo “Servidor DNS alternativo”, digite este endereço IPv6: 2606:4700:4700::1001


3.5- Clique em “OK”.


3.6- Clique em “Fechar”.

 

Após concluir as etapas, o dispositivo irá entrar em contato com os servidores Cloudflare para resolver nomes de domínio (por exemplo, Google.com).

As etapas mencionadas acima são focadas no Windows 10, mas as instruções também funcionarão no Windows 8.1 e Windows 7.

Importante: não é recomendável usar essas instruções se você estiver usando um computador no trabalho, porque alterar essas configurações pode causar problemas de conectividade e outros problemas. Se você deseja alterar essas configurações em seu computador de trabalho, sempre consulte primeiro seu administrador de TI.

 

Configuração do DNS CloudFlare no MacOS

A configuração do DNS 1.1.1.1 é bem rápida e não requer nenhuma habilidade técnica ou software especial. 

Mesmo se você for um novato no sistema operacional da Apple, escolha seu dispositivo abaixo para um guia de configuração fácil de seguir.

 

4- Abra as Preferências do Sistema.


4.1- Clique em “Rede”.


4.2- Clique em “Avançado”.


4.3- Procure a aba DNS e selecione-a.


4.4- Clique no botão ” + “ para adicionar um servidor DNS e digite 1.1.1.1.


4.5- Clique em ” + “ novamente e digite 1.0.0.1 (Isso é para redundância.)


4.6- Clique em ” + “ novamente e digite 2606: 4700: 4700 :: 1111 (Isso é para redundância).


4.7- Clique em ” + “ novamente e digite 2606: 4700: 4700 :: 1001 (Isso é para redundância).


4.8- Clique em “Ok” e em Aplicar.


4.9- Tudo pronto! Seu dispositivo agora tem servidores DNS mais rápidos e privados.

 

 

Configuração do CND CloudFlare no Android

5- Vá em “Configurações”.


5.1- Clique em “Conexões”.


5.2- Clique no nome de sua rede em Wi-Fi.


5.3- Segure sobre o nome de sua rede até aparecer a opção “Gerenciar configurações de rede”.


5.4- Marque a opção “Mostrar opções avançadas”, e em “Definições IP” mude de “DHCP” para “Estático”.


5.5- Desça até as opções de DNS.

  • Em “DNS 1”, insira o IP “1.1.1.1”.
  • Em “DNS 2”, coloque o IP “1.0.0.1”.


5.6- Por fim, clique em “Salvar”.

 

Configuração do CND CloudFlare no iOS

6- Vá em “Ajustes”.


6.1- Clique na opção “WiFi”.


6.2- Ao lado da sua conexão, clique no ícone do ” i “ para acessar suas configurações.


6.3- Clique em “Configurar DNS” e mude de “Automático” para “Manual”.


6.4- Altere o DNS para o IP “1.1.1.1”.


6.5- Para definir o DNS secundário, clique no ícone de + “ e insira o IP “1.0.0.1”.


6.6- Clique em “Salvar”.

 

Como configurar o DNS do Google no seu roteador

Mudar as configurações diretamente no roteador faz com que toda a rede funcione sob as definições que serão implementadas, independentemente do dispositivo usado. Isso evita que você precise fazer configurações individuais.

Veja um passo a passo para fazer a configuração, embora ela possa mudar conforme o modelo do aparelho:

7- Digite o endereço 192.168.0.1 no seu navegador e, para acessar o painel de configuração do roteador, coloque as credenciais de administrador, normalmente, elas ficam na parte de baixo ou no manual do aparelho;


7.1- Acesse a seção WAN do roteador (essa opção pode estar inserida nas abas LAN, DHCP ou Internet);


7.2- Preencha os valores de “8.8.8.8” para o DNS primário e “8.8.4.4” para o DNS secundário;


7.3- Salve as alterações.

 

Dessa maneira, você terá um acesso mais qualificado à internet. Com o DNS do Google você terá melhor performance e mais segurança na sua conexão.

 

Como configurar o DNS do Google no Windows

8- Acesse o menu “Iniciar”;


8.1- Clique em “Configurações” > “Rede e Internet” > “Wi-Fi”;


8.2- Escolha “Alterar opções de adaptador”;


8.3- Clique com o botão direito em sua rede ativa > “Propriedades” (caso seja solicitada a  senha de administrador, digite-a);


8.4- Busque a opção “TCP/IPv4” (Protocolo IP Versão 4);


8.5- Clique em “Propriedades”;


8.6- Marque “Usar os seguintes endereços de servidor de DNS” e informe o valor 8.8.8.8 para o servidor DNS preferencial e 8.8.4.4 para o servidor DNS alternativo;

 

 

8.7- Clique em “OK” para salvar as alterações.

 

Como configurar o DNS do Google no Linux

9- Abra o menu Sistema;


9.1- Clique em “Preferências” > “Conexão de Rede” (verifique os nomes desses campos da sua versão Linux, pois eles podem variar);


9.2- Escolha o tipo de rede que será alterada (com ou sem fio) e clique em “Configurações”;


9.3- Clique em “IPv4” e selecione a opção “Automatic (DHCP)”;


9.4- Clique no ícone “ + ” do campo DNS para adicionar os endereços;


9.5- Digite 8.8.8.8 e 8.8.4.4. no campo DNS Server;


9.6- Clique em “Save”.

 

 

Como configurar o DNS do Google no Mac

10- Acesse o menu da Apple;


10.1- Clique em “Preferências do Sistema”;


10.2- Acesse “Rede”;


10.3- Escolha a conexão que será alterada;


10.4- Clique em “Avançado”;


10.5- Acesse a aba “DNS”;

 

 

10.6- Apague os endereços na tabela esquerda e clique em “ + ” para informar os do Google;


10.7- Insira “8.8.8.8” no campo primário e “8.8.4.4” no secundário;


10.8- Salve as alterações.

 

 

Como configurar o DNS do Google no Android

 

11- Acesse as configurações do Android;


11.1- Encontre a opção “Wi-Fi” e ative-a;

 

 

11.2- Escolha a rede que será alterada e clique em “Gerenciar configurações de rede” ou “Modificar a rede”;


11.3- Clique em “Opções avançadas”;

 

 

11.4- Mude as “Definições IP” para “Estático”;


11.5- Preencha o DNS 1 com “8.8.8.8” e o DNS 2 com “8.8.4.4”;


11.6- Clique em “Salvar”.

 

 

Como configurar o DNS do Google no iOS

12- Acesse “Ajustes”;


12.1- Encontre a opção “Wi-Fi”;

 

 

12.2- Toque no ícone “ i ” que fica ao lado do nome da rede que será alterada;


12.3- Toque sobre “Configurar DNS”;

 

 

12.4- Toque em “Manual” > “Adicionar Servidor”;


12.5- Adicione “8.8.8.8” e “8.8.4.4”;

 

 

12.6- Apague os valores da operadora, tocando no ícone de “menos” (-) e depois em “Apagar”;


12.7- Clique em salvar.

 

 

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato com nosso suporte via chat online.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.